Arquivo da categoria: Cultura

Transformações no mundo do trabalho

Rogério Cavalcanti

As transformações recentes no mundo do trabalho têm sido intensas e impactantes. O avanço da tecnologia tem sido a principal força por trás dessas mudanças, criando novos empregos e redefinindo as demandas e habilidades necessárias para os existentes.

A globalização está permitindo que empresas tenham acesso a mão de obra e recursos de todo o mundo, criando novas oportunidades, mas também intensificando a competição global pelos trabalhadores mais qualificados. A mudança nas necessidades dos consumidores também está mudando a forma como as empresas fornecem bens e serviços, o que pode ter um impacto na criação de empregos.

Uma das transformações mais notáveis é a automação de muitas tarefas que antes eram realizadas manualmente. Isso tem resultado na eliminação de alguns empregos tradicionais, mas também tem criado novas oportunidades em áreas como inteligência artificial e robótica. A automação de tarefas está substituindo trabalhadores em muitos setores, como a indústria, a logística e o atendimento ao cliente.

A popularização de dispositivos móveis, a nuvem e a Internet das coisas estão permitindo que as pessoas trabalhem de qualquer lugar e a qualquer hora. Além disso, as ferramentas de colaboração em tempo real estão mudando a forma como as equipes trabalham juntas e permitindo que as pessoas colaborem em projetos em diferentes partes do mundo.

Outra mudança importante é a intensificação do trabalho remoto, impulsionada pela pandemia de COVID-19. Com a tecnologia permitindo que as pessoas trabalhem de qualquer lugar, as empresas estão repensando suas estruturas de escritórios e a necessidade de localização física para seus funcionários.

Além disso, a “economia gig” – um arranjo alternativo de emprego/trabalho em que as pessoas exercem uma atividade freelancer e recebem separadamente por cada projeto/serviço – está crescendo rapidamente. Isso está mudando a forma como as pessoas pensam sobre a carreira e a segurança do emprego, e também está criando novas oportunidades para a flexibilidade e a independência financeira.

No entanto, as transformações também estão criando novos desafios, como a proteção dos direitos dos trabalhadores e a garantia de condições justas e equitativas. Além disso, aumenta a preocupação com a capacitação para as habilidades do futuro, já que as demandas estão mudando rapidamente.

Em resumo, as transformações no mundo do trabalho estão acontecendo em um ritmo acelerado e estão mudando a forma como pensamos sobre emprego e carreira. Enquanto isso pode trazer novas oportunidades, também requer adaptação e soluções para garantir a proteção e a justiça para todos os trabalhadores.

Foto por Peter Fazekas em Pexels.com

Relações entre tecnologia e sociedade

Rogério Cavalcanti

As relações entre tecnologia e sociedade são complexas e dinâmicas, com múltiplos impactos e influências mútuas. A tecnologia é vista como um fator importante na evolução e desenvolvimento da sociedade, mas também como uma força que pode ter efeitos negativos e desequilibrar as estruturas sociais existentes.

Desde a antiguidade, a tecnologia tem sido utilizada como um meio para melhorar a qualidade de vida das pessoas e solucionar problemas sociais. Por exemplo, a invenção da roda permitiu o transporte de cargas maiores e mais eficientes, enquanto a invenção da imprensa permitiu a disseminação de informações de forma mais ampla e rápida.

Ao longo da história, as inovações tecnológicas têm sido uma fonte constante de transformações sociais e econômicas. Desde a invenção da roda até a era da informação, a tecnologia tem sido um catalisador para mudanças significativas na sociedade. Por exemplo, a invenção da impressora móvel no século XV permitiu a divulgação de informações e ideias a uma escala sem precedentes, ajudando a alimentar a Reforma Protestante e a Ilustração.

A Revolução Industrial do século XVIII e XIX foi outra mudança tecnológica importante que teve um impacto significativo na sociedade. A máquina a vapor e outros avanços tecnológicos permitiram a produção em massa de bens, transformando a economia e a sociedade. A Revolução Industrial também criou novos empregos e trazendo melhorias na qualidade de vida para muitas pessoas.

A tecnologia também tem tido um impacto significativo nas relações sociais. A invenção do telefone no século XIX e a popularização da Internet no final do século XX mudaram a forma como as pessoas se comunicam e se relacionam. Ela tem aumentado a conectividade global, permitindo que as pessoas compartilhem informações e ideias com outras pessoas de todo o mundo.

Na atualidade, a tecnologia é uma parte fundamental da vida cotidiana, tendo um impacto profundo em quase todos os aspectos da sociedade, incluindo a economia, a política, a cultura e a comunicação. A Internet e as redes sociais, por exemplo, têm transformado a maneira como as pessoas se conectam, compartilham informações e se expressam.

No entanto, essa tecnologia também pode ter efeitos negativos na sociedade. A automação e a robótica, por exemplo, podem levar ao desemprego em setores específicos, enquanto a exposição excessiva à tecnologia pode afetar a saúde mental e física das pessoas. Além disso, a tecnologia pode ser usada para fins malintencionados, como espionagem, controle social e manipulação de informações.

Em conclusão, as relações entre tecnologia e sociedade são complexas e multifacetadas. Embora a tecnologia possa ter muitos benefícios e facilitar a vida das pessoas, também é importante reconhecer seus potenciais impactos negativos e desafios. É crucial que as sociedades trabalhem juntas para maximizar os benefícios da tecnologia e minimizar seus efeitos negativos, garantindo uma utilização equilibrada e responsável da tecnologia.

Arte e Cidadania

A arte tem diversas funções: contribui para a construção da diversidade cultural, para a formação dos cidadãos, crescimento pessoal e profissional. Este Novos Tempos recebe Juliana Pautilla, mestre em Artes, que discute os benefícios da arte na vida das pessoas e de sua importância como inclusão social.

Patrimônio, Identidade e Memória

O patrimônio cultural deve ser mantido em nome da identidade e memória de uma comunidade. Alguns patrimônios culturais brasileiros foram classificados como patrimônios da humanidade.

Professora concorre a prêmio por usar sucata para ensinar robótica

Em São Paulo, uma professora da rede pública municipal concorre a um milhão de dólares por um projeto que desenvolveu em uma escola da periferia da capital, com o uso de sucata para ensinar robótica.

Diálogos | Tendências pedagógicas

Tendências pedagógicas são o tema do “Diálogos”. As teorias e as práticas pedagógicas estão em discussão dentro e fora da sala de aula. O “Diálogos” entra nesse tema com a participação do professor Vandeí Pinto da Silva, do Departamento de Didática da Unesp em Marília. O professor explica quais são as tendências pedagógicas de influência política e sua relação com o processo de ensino-aprendizagem. A formação para a vida e a formação omnilateral, proposta por Vandeí em seus estudos, também são abordadas de modo a articular a teoria e a prática pedagógicas.

FUNÇÃO SOCIAL da ESCOLA – Celina ARÊAS

Resenha do livro “Função social da Escola”, organizado por Celina Arêas.

As seis fases da gestão de projetos sociais

Confira as seis fases da seis fases de um projeto social, de acordo com a metodologia PMD Pro. O vídeo explica, passo a passo, quais são as seis fases do projeto e as principais ferramentas de cada fase.

Revolução Tecnológica

Após o desenvolvimento científico e tecnológico dos últimos anos, podemos perceber uma transição gradual de um mundo materialista e tangível para um mundo digital e intangível.